/ / / / / / / / / / / / / /      Anais Digitais      / / / / / / / / / / / / / /

  Voltar para a lista
 
  Título
Para além do rock´n´roll: a música em Last Days, de Gus Van Sant
Autor
Juliana Panini Silveira
Resumo Expandido
Em Last Days (2005), filme inspirado nos últimos momentos de Kurt Cobain (antes de seu suicídio em abril de 1994), Gus Van Sant deixa de lado o maior ícone grunge para, através de Blake (um roqueiro vivendo um colapso emocional, interpretado por Michael Pitt), trilhar um outro caminho. Van Sant toma a cultura do efêmero, do individualismo, do narcisismo, do espetáculo, da fama e do mito, confrontando-a com o vazio e o colapso, explorando as profundas manifestações da subjetividade humana que afloram do desafio de viver.

A construção de um Blake de muitas (e ocultas) facetas também é perpassada pelo viés musical. Longe do óbvio, a trilha musical de Last Days não se atém ao estilo grunge (condizente com o universo de Blake e de Kurt Cobain), nem mesmo o rock´n´roll. Agregando ao filme artistas posteriormente influenciados pelo movimento iniciado em Seattle (do qual o Nirvana e seu vocalista, Kurt, são os grandes expoentes), Van Sant extrapola o universo do rock para agregar outros sons: o pop romântico, uma peça coral polifônica (madrigal) e obras eletroacústicas compostas por Hildegard Westerkamp.

Este trabalho tem como objetivo compreender de que modo estes estilos musicais que, aparentemente não condizem com o personagem e sua realidade, contribuem para a elaboração de discursos narrativos, além de analisar como estas sonoridades são inseridas no filme, que conta com cenas performáticas e videoclipe.

Bibliografia

ALTMAN, Rick. Inventing the Cinema Soundtrack: Hollywood’s Multiplane Sound System In: Music and cinema. J. Buhler (Ed.); C. Flinn (Ed.); D. Neumeyer (Ed.). Hanover: Wesleyan University Press, 2000. 397 p.

ALTMAN, Rick(Ed.). Sound theory sound practice. New York: Routledge, 1992. 290 p.

CHION, Michel. Film, a Sound Art. Claudia Gorbman e C. Jon Delogu (Trad.). University Presses of California: Columbia and Princeton. 2009. 528 p.

______________. La música en el cine. Manuel Frau (Trad.). Barcelona: Ed. Paidós Ibérica, 1997. 487 p.

HOWITT, Bernie. Popular culture-grunge. In: Society and culture Association. 2008.

JORDAN, R. Offscreen. The Work of Hildegard Westerkamp in the Films of Gus Van Sant: An Interview with the Soundscape Composer. Offscreen: vol.11/ n. 8-9/ano 2007.

SCHAFER, R. Murray. A afinação do mundo:(...) Marisa T. Fonterrada (Trad.)SP: Ed. UNESP, 2001. 381 p.

OBICI, Giuliano Lamberti. Condição de escuta: mídias e territórios sonoros. RJ: 7 Letras, 2008. 186p.