/ / / / / / / / / / / / / /      Anais Digitais      / / / / / / / / / / / / / /

  Voltar para a lista
 
  Título
A centralidade da personagem no cinema contemporâneo
Autor
Arthur Fernandes Andrade Lins
Resumo Expandido
A construção da personagem no cinema deve levar em conta não apenas sua vinculação ao corpo de um ator, mas também a manipulação de outros elementos próprios à linguagem cinematográfica, sendo influenciada por aspectos técnicos e contextos sociais distintos. Na trajetória do cinema ficcional veremos que a atuação passou por um processo de naturalização, tornando o personagem mais próximo da realidade cotidiana, utilizando inclusive pessoas representando a si mesmas como forma de diminuir a distância entre o real e a ficção. Dessa forma, podemos pensar esta trajetória como as distintas posturas assumidas pelo ator em cena, sendo o neo-realismo italiano o ponto culminante desta mudança.
Bibliografia

BRAIT, Beth. A personagem. São Paulo: Ática, 1985. CANDIDO, Antônio. A personagem do Romance. In: A personagem de Ficção. São Paulo: Perspectiva, 2004. GOMES, Paulo Emilio Salles. A personagem cinematográfica. In: A personagem de Ficção. São Paulo: Perspectiva, 2004. RICOEUR, Paul. As metamorfoses da intriga. In: Tempo e narrativa. Tradução de Marina Appenzeller. Campinas – SP: Papirus, 1995, p. 15-54. ROUBINE, Jean-Jacques. A arte do ator. Trad. Yan Michalski e Rosyane Trotta. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1987. SGANZERLA, Rogério. Por um cinema sem limite. Rio de Janeiro: Azougue, 2001. VANOYE, Francis e GOLIOT-LÉTÉ, Anne. Ensaio sobre a análise fílmica. Trad.: Marina Appenzeller. Campinas - SP: Papirus 1994.