/ / / / / / / / / / / / / /      Anais Digitais      / / / / / / / / / / / / / /

  Voltar para a lista
 
  Título
As migrações das imagens do nascimento do cinema moçambicano
Autor
Lúcia Ramos Monteiro
Resumo Expandido
A instalação "Para Moçambique" (2008), produzida pela artista Ângela Ferreira, resgata imagens próximas à independência de Moçambique: o filme "Makwayela" (1977), de Jean Rouch, o projeto "Naissance (de l'image) d'une nation" (1979), de Jean-Luc Godard, e o registro do show "Hard Rain" (1976), de Bob Dylan. Dessa maneira, inaugura um duplo processo de deterritorialização: as imagens em movimento passam da sala de cinema para o contexto de uma exposição de arte contemporânea; nessa passagem, o clima utópico que envolvia a construção de uma nova nação se transforma em epitáfio. Ainda na década de 1970, um outro tipo de migração das mesmas imagens ocorria: elas circulavam de um filme a outro, como entre "Deixem-me ao menos subir as palmeiras"(Joaquim Lopes Barbosa, 1972), "25" (José Celso Martinez Correa et Celso Lucas, 1975) e "Mueda, memória e massacre" (Ruy Guerra, 1979). O objetivo desta comunicação é comparar os dois processos de migração/circulação das imagens ligadas ao período próximo da independência moçambicana, à luz do conceito de "comunidades imaginárias", trabalhado por Benedict Anderson.
Bibliografia

ANDERSON, Benedict. Under Three Flags: Anarchism and the Anti-Colonial Imagination. Londres, Verso, 2005.

BOCK, Jürgen (org). Hard Rain Show - Ângela Ferreira (catálogo de exposição), Lisboa, Museu Colecção Berardo, e Rennes, La Criée centre d'art contemporain, 2008.

DELEUZE, Gilles e GUATTARI, Félix. 1995-1997. Mil Platôs. Capitalismo e Esquizofrenia. Rio de Janeiro: Editora 34, 1995.

DUBOIS, Philippe. "Un 'effet cinéma' dans l'art contemporain". In: Philippe Dubois (dir.), Cinéma & Cie, nº 8, outono 2006.

GODARD, Jean-Luc e MIEVILLE, Anne-Marie. "Nord contre sud ou Naissance (de l'image) d'une

nation". In: Cahiers du Cinéma, nº 300, maio 1979.

VANCHERI, Luc. Cinémas contemporains, Lyon, Aléas Éditeur, 2009.